Stranger Things da Netflix, porque ver a série?



Acabamos de assistir a 1ª Temporada de Stranger Things, nova série de suspense/Ficção científaca da Netflix, e já vamos avisando, assistam assim que puderem!


Um misto de terror, suspense e ficção científica Stranger Things é uma grande homenagem aos filmes dos anos 80.


Com uma trama bem amarrada e vários elementos muito comuns aos fãs do gênero, a série consegue inovar trazendo elementos antigos, pode parecer paradoxal, mas diante das várias produções que estão saindo ultimamente, a Netflix consegue entregar ao fim de tudo, mais uma vez um produto original.






A trama é simples, o desaparecimento do garoto Will Byers (Noah Schnapp), fazem com que sua mãe, o Xerife da cidade e seus amigos enfrentem várias forças para encontra-lo.

Além do terror e suspense, a medida que a série avança, vários elementos de ficção cientifica são adicionados a história.

Tudo isso entrelaçado a história de Eleven (Millie Bobby Brown), uma garota que surge misteriosamente durante as buscas por Will.

Com apenas 8 episódios não há muito para fugir do assunto principal, e o ritmo é consistente, não abrindo espaço para muita enrolação, o foco é todo em descobrir o que aconteceu com will e onde On se encaixa nisso tudo, dando a profundidade necessária aos personagens que aparecem na tela.




O Grande tapete de referências.


A série se passa nos anos 80, então todas as referencias e homenagens, desde a abertura como a fonte dos créditos até os detalhes nos cenários, tudo é apresentado de forma orgânica, nada é empurrado pela sua garganta apenas para que pareça legal.

Imagine uma grande colcha de retalhos com pequenas peças de O Iluminado, E.T O Extraterrestre, Conta Comigo, Dungeours and Dragons, Star Wars, cartazes de filmes de terror como A Morte do Demônio, A Coisa, aparatos usados em Fringe, mundos paralelos com Sillent Hill, uma trilha sonora muito boa e ainda assim não parecer algo forçado. Bem esse plano de fundo em que Stranger Things acontece.

A trilha sonora é muito boa, desde as músicas de bandas de rock aos planos de fundo que criam o clima perfeito para cada cena.

A força da amizade é muito legal de ver, sabe aquelas referências a filmes, já ouviram falar em Stand by Me (Conta comigo)? É bem por aí.

Os 3 garotos e a menina Eleven/Onze são o núcleo principal, mas tem grande destaque pelas atuações individuais que se completam. (O Dustin, aquele que usa o boné do Ash do Pokemón, é hilário!)





A série é uma das melhores produções que vi esse ano, com um roteiro que costura várias referencias a grandes filmes clássicos e elementos que mesmo já sendo utilizados em outros programas ou filmes não caem no mesmismo ou forçam a barra, deixando muitas perguntas sem respostas a série já está confirmada para segunda temporada.




Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Postar um comentário
Obrigado pelo seu comentário