Logan, a história da criação dos quadrinhos para filme e todas as artes que foram criadas

O Site The Verge, bateu um papo com o artista Don Panasion, que ilustrou, junto com Joe Quesada os quadrinhos que aparecem no filme Logan. O Site também teve acesso a todas as imagens que formaram os quadrinhos. Mesmo tendo permissão para usar qualquer edição dos X-Men lançadas pela Marvel, o diretor James Mangold preferiu algo criado especialmente para seu filme, então entrou em contato com os desenhistas Dan Panosian e Joe Quesada, que também é o Chefe do Departamento Criativo da Marvel.

"Esse foi uma espécie de trabalho dos sonhos para mim. Logan é um dos meus personagens favoritos de todos os tempos, por isso foi uma tremenda honra fazer parte deste filme." 

"Eles precisavam de alguém que pudesse desenhar, arte-finalizar e colorir as capas e páginas internas, que são trabalhos que geralmente são divididos e entregues a artistas individuais que se especializam em cada uma dessas categorias" - explicou Panosian - "Joe Quesada desenhou quatro páginas que eu finalizei, pintei e coloquei as letras que você vê durante todo o filme."

O desenhista disse que a ideia foi fazer a arte no estilo dos quadrinhos dos anos 80, dos quais ele é um grande fã: "Todo o projeto é como uma carta de amor para essa geração de trabalhos. Histórias e arte que influenciam e inspiram tantos escritores e artistas até hoje."

Na sequência você confere a arte criada por Dan Panosian e Joe Quesada:

No filme os quadrinhos são mais do que mera referência, eles fazem parte do enredo, ajudando a criar uma mistificação do passado e servindo como peça chave na trama, então quaisquer quadrinhos aleatórios Uncanny X-Men não teria funcionado.


Ilustração de Dan Panosian

Panosian se juntou ao projeto depois que o artista de storyboard do filme e artista de quadrinhos da Marvel, Gabriel Hardman, o recomendou para o trabalho. "Eles precisavam de alguém que pudesse usar criar a lápis / tinta / cor capas e páginas interiores, que são trabalhos que geralmente são divididos e entregues a artistas individuais que se especializam em cada categoria".
No total, Panosian criou 10 capas falsas para os quadrinhos usados ​​no filme, enquanto Joe Quesada desenhou quatro páginas que Panosian escreveu, coloriu e colocou as letras, como você vê em destaque durante o filme".

 Ilustração de Dan Panosian

Os quadrinhos apresentados no filme foram projetados para se parecer com os quadrinhos dos anos 1980, do tipo Panosian gostava quando ele era mais jovem. "Todo o projeto é como uma carta de amor para essa geração de trabalho. Histórias e arte que influenciaram e inspiraram tantos escritores e artistas que trabalham hoje ".
Panosian também gostou da idéia de um contraste entre os quadrinhos retrô e o sombrio filme moderno. "As cores e a própria arte justapõem-se contra o mundo selvagem e cru no filme, capturando quanta inocência se perdeu ao longo do tempo", explicou.
Ele recebeu instruções abertas sobre como as capas devem ser parecidas. "Os temas eram fáceis de selecionar", observou, porque os filmes cobriam muitos dos mesmos elementos das histórias que ele tinha crescido lendo.

"FOI A MELHOR ÉPOCA DE X-MEN NA MINHA OPINIÃO. E LOGAN NUNCA FOI MAIS NO PONTO. "

Quanto a se os fãs vão ver os livros na vida real? Panosian não tem certeza, mas espera que a arte apareça em uma característica especial nos lançamentos de casa em algum lugar abaixo da estrada. "Seria uma vergonha não para fãs de quadrinhos."
Veja abaixo todas as artes que foram criadas por Panosian e Joe Quesada
















Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.