HQ Power Rangers #0 Review



De certo os Power Rangers foram um dos grandes sucessos dos anos 90 aqui no Brasil, apesar de não fazer mais parte da programação da nossa tv aberta, a série perdura até hoje e todos os anos temos uma nova temporada sendo lançada. Em 2017 chega aos cinemas uma nova versão do grupo original de heróis, mas já esse ano, os defensores da Alameda dos anjos ganharam um outro revival, dessa vez nos quadrinhos.



A HQ dos Power Rangers foi lançada em março desse ano e atualmente está na sua oitava edição


A história dos quadrinhos começa exatamente após Tommy, o ranger verde, se livrar do controle de Rita e passar para o lado dos mocinhos, nesse primeiro volume, vemos os Rangers no seu cotidiano escolhar e Tommy ainda lidando com os estigmas do controle que a vilã tinha sobre ele, o que promete ser pauta pra próximas histórias.

O roteiro parece que foi feito para os fãs que cresceram com aquela primeira geração dos Rangers, que apesar de ter frases e poses clássicas (que sempre deram um tom infantil, mas que criarão a identidade da série), tenta trazer algo mais sólido a história, apesar de muitas vezes não ler e lembrar das vozes dos dubladores brasileiros, o roteiro em si não nos leva a ter uma interpretação juvenil, outro ponto positivo para o quadrinhos é a ação e pouca enrolação, talvez por essa edição ser curta ela se torna bem dinamica. 



Esse primeiro volume é curto mas cheio de ação, ele também dita o que veremos nos próximos volumes além de fazer uma introdução aos coadjuvantes mais legais de todas as séries, Bulk e Skull

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.